Revista OrtodontiaSPO 2017 | V50N4 | Páginas: 322-30

Tratamento compensatório do padrão face curta associado à discrepância osteodentária positiva

Compensatory treatment of the short face pattern associated to tooth size discrepancy

  • Imprimir
  • Indique a um amigo

Autor(es):

João Paulo Schwartz1
Taisa Boamorte Raveli2
Luana Paz Sampaio3
Ary dos Santos Pinto4
Dirceu Barnabé Raveli4

1Doutorando em Ortodontia – Universidade Estadual Paulista (Unesp/FOAr) / Universidade Justus-Liebig-Gießen (JLU-UKGM-KFO), Alemanha.
2Doutoranda em Ortodontia – Universidade Estadual Paulista (Unesp/FOAr).
3Doutora em Ortodontia – Universidade Estadual Paulista (Unesp/FOAr).
4Professores adjuntos da disciplina de Ortodontia – Universidade Estadual Paulista (Unesp/FOAr).

Resumo:

Indivíduos padrão face curta com retrusão maxilomandibular e má-oclusão de classe II, divisão 1, apresentam prognóstico ruim para o tratamento ortodôntico compensatório. O objetivo deste estudo foi analisar os efeitos do tratamento ortodôntico compensatório da má-oclusão de classe II associada à discrepância osteodentária positiva. Indivíduo com má-oclusão de classe II, divisão 1, e retrusão maxilomandibular utilizou o aparelho Herbst como opção terapêutica, seguido por aparelho ortodôntico pré-ajustado e reanatomização dos dentes anteriores. Foram avaliados os resultados cefalométricos, oclusão e face. A correção da classe II para uma oclusão normal tratada com sobressaliência horizontal e vertical corretas ocorreu com a associação do tratamento ortodôntico e a reanatomização dos incisivos superiores. Assim, concluiu-se que o aparelho Herbst seguido de aparelho ortodôntico pré-ajustado é uma alternativa para o tratamento compensatório do padrão face curta com retrusão maxilomandibular classe II, divisão 1, e que o tratamento interdiscliplinar entre a Ortodontia e a Odontologia estética favorece a correta finalização do caso e a obtenção de uma relação de classe I, oclusão normal tratada, ao final do tratamento.

Unitermos:

Ortodontia; Má-oclusão de Angle classe II; Aparelhos ativadores.

Abstract:

Individuals with maxillomandibular retrusion and Class II, division 1 malocclusion show poor prognostic for compensatory orthodontic treatment. This study aimed to analyze the effects of orthodontic compensatory treatment of Class II malocclusion associated to tooth size discrepancy. Patient with Class II, division 1 malocclusion and maxillomandibular retrusion worn the Herbst appliance as therapeutic option followed by pre-adjusted orthodontic appliance and anterior teeth reanatomization. The cephalometric, occlusion and facial results were evaluated. Correction of Class II malocclusion for normal occlusal relationship with normal overjet and overbite occurs by association of orthodontic treatment with reanatomization of upper incisors. Therefore, it was concluded that the Herbst appliance follow by pre-adjusted orthodontic appliance can be used as compensatory treatment of Class II with maxillofacial retrusion and the association between orthodontics and dental esthetics allowed a Class I relationship and improved the final treatment results.

Keywords:

Orthodontics; Malocclusion Angle Class II; Activator appliances.