Revista OrtodontiaSPO 2019 | V52N2 | Páginas: 204-210

Comparação da reabsorção apical com os aparelhos autoligável e convencional pré-ajustado

Comparison of apical resorption using self-ligating and pre-adjusted conventional orthodontic appliances

  • Imprimir
  • Indique a um amigo

Autor(es):

 

 

Tiago Peluso Velho1
Roberta Caetano Calil de Morais2
Rodrigo Hermont Cançado3
Fabrício Pinelli Valarelli3
Karina Maria Salvatore de Freitas4

1Mestre em Ortodontia – Centro Universitário Ingá (Uningá).
2Mestranda em Ortodontia – Centro Universitário Ingá (Uningá).
3Mestres e doutores em Ortodontia – FOB/USP; Professores do Curso de Mestrado Profissional em Odontologia do Centro Universitário Ingá (Uningá).
4Mestra e doutora em Ortodontia – FOB/USP; Coordenadora do curso de mestrado profissional em Odontologia do Centro Universitário Ingá (Uningá).

Resumo:

O objetivo deste estudo foi comparar a quantidade de reabsorção radicular apical após a fase de alinhamento e nivelamento entre o aparelho pré-ajustado convencional (grupo 1) e o aparelho autoligável (grupo 2). Foram obtidas radiografias periapicais dos incisivos superiores de 54 pacientes ao final do alinhamento e nivelamento, sendo 33 do grupo 1 e 21 do grupo 2. Os dois grupos foram compatibilizados quanto às idades médias inicial e final, tempo de alinhamento e nivelamento, distribuição por gêneros e protocolo de tratamento. A reabsorção radicular foi avaliada por meio de um sistema de escores. Os dados relacionados à reabsorção radicular foram comparados pelo teste não paramétrico de Mann-Whitney. Os resultados mostraram que não houve diferença significante nos graus de reabsorção radicular entre os dois grupos. Graus de reabsorção radicular semelhantes podem ser esperados após o alinhamento e nivelamento com o aparelho pré-ajustado convencional e o aparelho autoligável.

Unitermos:

Reabsorção da raiz; Incisivo; Estudo comparativo.

Abstract:

The aim of this study was to compare the amount of root resorption after alignment between the conventional pre-adjusted (group 1)and the self-ligating (group 2) appliance systems. Periapical radiographs were obtained for the maxillary incisors from 54 patients, 33 in group 1 and 21 in group 2 after alignment. The two groups were matched according to initial and final mean ages, alignment time, gender distribution and treatment protocol. Root resorption was evaluated according to a score system. The data regarding root resorption were compared with the Mann-Whitney non-parametric. Results demonstrated that there is no significant difference in root resorption between the two groups. Similar degrees of root resorption can be expected after alignment with the conventional pre-adjusted and the self-ligating appliance systems.

Keywords:

Root resorption; Incisor; Comparative study.