Revista OrtodontiaSPO 2019 | V52N4 | Páginas: 404 - 408

Distribuição de diferentes anomalias dentárias em indivíduos que buscaram tratamento ortodôntico

Prevalency of dental anomalies in patients undergoing orthodontic treatment

  • Imprimir
  • Indique a um amigo

Autor(es):

Natachy Karina Braga Lima1
Karla de Souza Vasconcelos2
Rinaldo Ramos de Araújo3
Ana Claudia de Castro Ferreira Conti4
Andrea Maria de Souza Constantino5
Victor de Miranda Ladewig6

1Especialista em Ortodontia – Universidade Cruzeiro do Sul.
2Mestra em Ortodontia – Universidade do Sagrado Coração; Especialista em Ortodontia – Faculdade Sete Lagoas.
3Especialista em Ortodontia e Ortopedia Funcional dos Maxilares – Universidade Camilo Castelo Branco; Professor da especialização em Ortodontia – Universidade Cruzeiro do Sul.
4Doutora em Ortodontia – Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo; Professora da pós-graduação em Odontologia da Universidade Norte do Paraná.
5Mestra em Ortodontia – Universidade do Sagrado Coração; Especialista em Ortodontia – Universidade Cruzeiro do Sul.
6Doutorando em Biologia Oral, mestre em Ortodontia – Universidade do Sagrado Coração.

Resumo:

Anomalias dentárias são alterações de desenvolvimento encontradas com frequência na população, podendo resultar em graves complicações quando não diagnosticadas precocemente. O objetivo deste trabalho foi avaliar, através de radiografias panorâmicas, a prevalência de anomalias dentárias em indivíduos em tratamento ortodôntico. Os dados foram coletados e seus achados anotados em um formulário. De 100 radiografias panorâmicas revisadas, 32% apresentaram algum tipo de anomalias quanto à forma, número e posição. Destes, 71,9% eram do gênero feminino e 28,1% do gênero masculino. A anomalia mais observada foi a impactação (20%), seguida pela hipodontia (9%), microdontia (5%), hiperdontia (2%), transposição (1%) e a macrodontia (0%). A região mais acometida foi a maxilar posterior com 43,1%, seguida da mandibular posterior com 39,2%, maxilar anterior com 13,7% e mandibular anterior com 3,9%, e não houve associação significante entre os diferentes tipos de anomalias dentárias.

Unitermos:

Anormalidades dentárias; Ortodontia preventiva; Epidemiologia.

Abstract:

Dental anomalies are developmental changes that are very common in the general population, and may result in serious complications when not diagnosed early. The objective of this study was to evaluate the prevalence of dental anomalies in individuals undergoing orthodontic treatment using panoramic radiographs. Data were collected through analysis of panoramic radiographs and their findings recorded in a form. Of the 100 revised panoramic radiographs, 32% had some type of anomalies in shape, number and position. Of these, 71.9% were female and 28.1% were male. The most observed anomaly was impaction (20%), followed by hypodontia (9%), microdontia (5%), hyperdontia (2%), transposition (1%) and macrodontia (0%). The most affected regions were the posterior maxilla (43,1%), the posterior mandible (39,2%), the anterior maxilla (13,7%), and the anterior mandible (3,9%). No significant associations were found among the different type of anomalies.

Keywords:

Tooth abnormalities; Orthodontics preventive; Epidemiology.