Publicado em: 29/05/2018 às 11h20

Orto 2018: um passo à frente na Ortodontia

O alto nível da programação do Orto 2018-SPO o credencia como o mais importante da América Latina.

  • Imprimir
  • Indique a um amigo
O Orto 2018-SPO acontecerá entre os dias 20 e 22 de setembro em São Paulo.(Imagem: Jaime Oide)


Por Flavius Deliberalli

 

Já começou a contagem regressiva para o 21o Congresso Brasileiro de Ortodontia, o Orto 2018-SPO, que acontecerá entre os dias 20 e 22 de setembro no Palácio das Convenções do Anhembi, em São Paulo.

Com uma programação abrangente e minuciosamente elaborada, o encontro promete ser o elo entre os ortodontistas e os novos rumos da especialidade. Para tanto, estão previstas mais de 200 atividades de atualização clínica e tecnológica, com temas contemporâneos e de alta relevância para a prática diária.

Segundo Flavio Cotrim-Ferreira, coordenador científico do Orto 2018-SPO, o evento será uma importante ferramenta de atualização e está alinhado com o dinamismo que a profissão exige nos dias de hoje. “São atividades de elevado nível científico e imediato emprego na clínica diária, que justificam o tema escolhido para este ano: A eficácia da nova Ortodontia”, destaca.

 

Conhecimento sem fronteiras

Um capítulo à parte na programação, os cursos de imersão oferecerão aos ortodontistas um conjunto de informações sobre as mais atuais técnicas e procedimentos. Grandes nomes da Ortodontia mundial estão escalados para dividir conhecimento com o público, a começar pelos nove convidados internacionais: Peter Buschang (EUA), Won Moon (EUA), Graham Jones (EUA), Martin Palomo (EUA), Stella Chaushu (Israel), Carlos Flores Mir (Canadá), Iván Malagón (Espanha), Andrés Giraldo (Colômbia) e Sabine Ruf (Alemanha). Eles irão tratar de temas como intrusão de molares com mini-implantes; aceleração do tratamento ortodôntico; dentes impactados; tratamento da classe II; alinhadores transparentes; correções ortopédicas não cirúrgicas; e avanços na tomografia computadorizada.

Outros 27 professores brasileiros que são referência na prática da especialidade completam o time de ministradores. Com apresentações em trio, eles vão compartilhar abordagens diferentes e complementares com base em temas centrais. Marcos Janson, Alexandre Moro e Luiz Gandini Jr. mostrarão uma visão contemporânea para o tratamento da classe II. Já Alexander Macedo, Andreia Cotrim-Ferreira e Dauro Oliveira falarão sobre técnicas estéticas e o movimento dental acelerado visando à Ortodontia do futuro. Daniela Garib, Flavio Cotrim-Ferreira e David Normando discutirão soluções eficientes para casos complexos.

Uma abordagem multidisciplinar no paciente ortodôntico vai nortear os trabalhos dos professores Jorge Faber, Ana Carla Nahás Scocate e Adilson Ramos, enquanto Fabrício Valarelli, Guilherme Janson e Endrigo Bastos vão mostrar os grandes desafios dos problemas ortodônticos verticais. A nova era da ancoragem esquelética será o tema principal de Carlo Marassi, Júlio Gurgel e Marcio Almeida. Weber Ursi, Marcelo Martins e Reginaldo Zanelato levam ao público a eficiência clínica dos braquetes autoligáveis e em quais circunstâncias eles são a melhor alternativa. A estética facial e do sorriso será o assunto das aulas de Carlos A. Câmara, Christian Coachman e Priscilla Pereira. Por fim, Fernando C. Henriques, Laurindo Furquim e Leopoldino Capelozza terão o tratamento ortodôntico no paciente adulto como tema central.

 

Objetividade

Com formato mais dinâmico, as conferências Direto ao Ponto consistem em mais de 150 sessões, com 40 minutos de duração, nas quais especialistas de renome nos diversos campos da Ortodontia vão abordar temas relacionados a avanços tecnológicos e uma diversidade de procedimentos clínicos, dos tradicionais e consolidados até os mais recentes.

 

Produtos e serviços

O encontro será complementado pela ExpOrto 2018-SPO, a exposição comercial paralela que vai abrigar 53 grandes empresas que apresentarão serviços e produtos em um espaço exclusivo integrado aos auditórios. Estão previstas também mais de 30 palestras corporativas nos estandes.

 

Apresentação especial

Max Gehringer, um dos mais requisitados palestrantes do País, ministrará a palestra de abertura do Orto 2018-SPO. Com apoio cultural da Morelli Ortodontia, o administrador de empresas e comentarista de importantes veículos de comunicação, como a Rádio CBN e o Fantástico, na TV Globo, trará à tona o tema “Gerenciamento de mudanças no contexto profissional”.

 

Incentivo à pesquisa

A pesquisa e a inovação são fundamentais para o futuro da Ortodontia. Assim, a programação do Orto 2018-SPO reserva atenção especial para o desenvolvimento científico, com os Painéis Científicos e o Prêmio Jovem Pesquisador. Nesta edição, os 400 painéis científicos estarão disponíveis na versão digital, permitindo que os congressistas naveguem e interajam com os trabalhos. Os três melhores trabalhos nas categorias Pesquisa e Caso Clínico receberão prêmios em dinheiro, certificado e serão publicados na revista OrtodontiaSPO. Por sua vez, o Prêmio Jovem Pesquisador, idealizado pelos editores da revista OrtodontiaSPO, contemplará os melhores trabalhos acadêmicos nos campos da Ortodontia e OFM. Os dez melhores artigos receberão prêmios em dinheiro e serão publicados na revista OrtodontiaSPO.