Publicado em: 06/12/2018 às 10h36

Momento de celebração

Solenidade oficial de abertura do Orto 2018-SPO reuniu professores, empresários e profissionais da Odontologia.

  • Imprimir
  • Indique a um amigo
A mesa foi composta por membros da comissão científica e autoridades do setor odontológico. (Foto: Panóptica Multimídia)


Por Flavius Deliberalli
e Renata Putinatti

 

O clima de confraternização tomou conta do auditório Elis Regina durante a solenidade oficial de abertura que reuniu professores, empresários, profissionais da área e representantes de entidades e do meio acadêmico. “Marcamos, mais uma vez, a história da Ortodontia brasileira”, comemora Jairo Corrêa, presidente da SPO e do Orto 2018-SPO. Ele foi um dos nomes mais celebrados na ocasião e contemplado com uma placa de prata por conta de sua importante trajetória na Ortodontia.

Após as formalidades iniciais, o professor Duilio Mandetta, que integra a diretoria da SPO e também o Grupo Violinos de São Paulo, interpretou o hino nacional brasileiro. Ao longo da noite, o grupo de músicos ainda executou outras canções bastante consagradas, proporcionando uma atmosfera agradável à série de homenagens realizadas.

A qualidade dos professores e da produção científica nacional foram lembradas como fatores que ampliam a representatividade do Orto 2018-SPO.

Confira as mensagens deixadas por integrantes da mesa na abertura oficial do evento.

“O fato de o Brasil ser um dos países com os melhores pesquisadores e as melhores técnicas de tratamento reflete aqui neste congresso”, 
Claudio Miyake, presidente de honra do Orto 2018-SPO.

“Esse encontro é motivo de orgulho, pois consiste em uma importante ferramenta para os ortodontistas medirem seu desempenho profissional”, 
Fernando C. Henriquespatrono do Orto 2018-SPO.

“É um congresso que, por si só, tem um destaque muito especial, pois a Ortodontia vem se qualificando de maneira muito importante” , 
Silvio Cecchetto, presidente da Associação Brasileira de Cirurgiões Dentistas (ABCD) e que na solenidade também representou Wilson Chediék, presidente da Associação Paulista de Cirurgiões Dentistas (APCD).

“A essência deste congresso é reunir os ortodontistas para que eles façam uma análise crítica sobre como estão atuando”, 
professor Leopoldino Capelozza, escolhido para representar o corpo docente do Orto 2018-SPO na solenidade.

“O Orto-SPO é um evento tradicional e importantíssimo para a reciclagem de conhecimentos e atualização profissional, seja para quem já está na carreira há bastante tempo ou para os que estão começando agora e que devem se espelhar nos grandes mestres”, 
Marcos Capez, presidente em exercício do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (Crosp).

“O Orto-SPO é uma grandiosidade no âmbito da Saúde”, 
Gilberto Natalini, médico e vereador da capital paulista, que atua na defesa das causas envolvendo a Odontologia.

“O Orto-SPO proporciona um grande aprendizado aos participantes, especialmente aos mais jovens”, 
Paulo Affonso de Freitas, um dos fundadores e primeiro presidente da SPO.